quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Escolhas dos Déjà Leitores

Olhando para a pilha da biblioteca, a fim de escolher um bom lote para amanhã, dei por mim a pensar para com os meus botões: “o que eu gostava mesmo era de fazer um lote com as escolhas dos Déjà Leitores”.

Desafio-os, por isso, a deixarem na caixa de comentários o nome de um livro que tenham considerado especial. Não é preciso ser uma resposta intelectualmente superior, nem politicamente correcta. Basta que seja um livro que vos tenha feito uma bela companhia.

Prometo que depois, assim que conseguir reunir alguns dos títulos, faço um post com as “Escolhas dos Déjà Leitores”.


31 comentários:

  1. "Cem anos de solidão" de Gabriel Garcia Marques
    "A filha da Fortuna" e "Retrato a Sépia" de Isabel Allende

    ResponderEliminar
  2. Brida de Paulo Coelho

    Drácula de Bram Stocker

    ResponderEliminar
  3. Papisa Joana-Donna Woolfolk Cross
    Casa dos Espiritos-Isabel Allende
    Meu Pe de laranja lima-Jose Mauro Vasconcellos

    ResponderEliminar
  4. "Queimada Viva", de Souad
    "Filhos da Droga", de Christiane F.
    "O diário de Anne Frank"

    ResponderEliminar
  5. A Rapariga que Roubava Livros, Marcus Zusak
    Diário de Anne Frank,
    2666, Roberto Bolaño
    A Sombra do Vento, Carlos Ruiz Zafón
    Os Apanhadores de Conchas, Rosemunde Pilcher
    O Historiador, Elizabeth Kostova
    Cinco Quartos de Laranja, Joanne Harris
    A Filha da Floresta, Juliet Marillier
    Os Leões de Al-Rassan, Guy Gavriel Kay
    A Mulher do Viajante no Tempo, Audrey Niffenegger
    O Conde de Monte Cristo, Alexandre Dumas
    A Filha do Sangue, Anne Bishop

    Tantos... Todos livros muito especiais :)

    ResponderEliminar
  6. Ensaio sobre a Cegueira, José Saramago
    O Crime do Padre Amaro, Eça de Queiróz
    O Prenúncio das Águas, Rosa Lobato Faria
    A Bica Escaldada, Alice Vieira
    O Rio das Flores, Miguel Sousa Tavares
    As palavras que nunca te direi, Nicholas Sparks

    ResponderEliminar
  7. Há tantos, tantos... mas ficou este em especial que li de enfiada quando tinha uns 15 anos e fiquei de cama uma semana. "E tudo o vento levou" de Margaret Mitchell. Ainda lá o tenho, velhinho com as folhas amarelas...

    ResponderEliminar
  8. "O Cavaleiro da Armadura Enferrujada" de Robert Fisher

    ResponderEliminar
  9. A cura de Schopenhauer - Irvin Yalom
    As velas ardem até ao fim - Sandor Marai
    A sombra do vento - Carlos Ruiz Záfon

    ResponderEliminar
  10. A insustentável leveza do ser - Milan Kundera
    Os irmãos Karamazóv - Fiodor Dostoyevsky
    Meu Pé de Laranja Lima - José Mauro Vasconcellos

    E qualquer coisa de Gabriel Garcia Marquez e de José Luís Peixoto

    ResponderEliminar
  11. A insustentável leveza do ser, Milan Kundera.
    Amor nos tempos da cólera - Gabriel Garcia Marques
    Cartas a Sandra - Vergílio Ferreira
    Cartas e Diário de Etty Hillesum

    ResponderEliminar
  12. Anne Karenina - Leon Tolstoi
    O Jogador - Fiódor Dostoiévski
    17.Pela Estrada Fora de Jack Kerouac

    ResponderEliminar
  13. 1984, George Orwell;
    O Admirável Mundo Novo, Aldous Huxley;
    O crime do Padre Amaro, Eça de Queiroz;
    Os Maias, Eça de Queiroz;
    De amor e de sombra, Isabel Allende;
    Como Água para Chocolate, Laura Esquível;
    O gato malhado e a andorinha Sinhá - uma história de amor, Jorge Amado;
    Norwegian Wood, Haruki Murakami;
    Equador, Miguel Sousa Tavares.

    ResponderEliminar
  14. O Velho que lia romances de amor, Luis Sepúlveda.
    (Pronto!... :) )

    ResponderEliminar
  15. A Família Cherry de Will Scott, colecção juvenil que merecia, muito, ser reeditada

    ResponderEliminar
  16. Mulherzinhas, Louisa May Alcott;
    jane eyre, Charlotte Brontë;
    As farpas, Eça de Queirós;
    a casa quieta,Rodrigo Guedes de Carvalho;
    o perfume, Patrick Süskind;
    O Contrabaixo, Patrick Süskind;
    a rapariga que roubava livros, Marcus Zusak;
    Diário de Anne Frank;
    A rapariga das laranjas, Jostein Gaarder
    O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá, Jorge Amado

    :D

    ResponderEliminar
  17. O Estrangeiro - Albert Camus
    Crime e Castigo - Dostoievski
    O Tambor - Gunter Grass
    Crónica de Uma Morte Anumciada - Garcia Marquez
    O Desprezo - Alberto Moravia
    O Velho e o Mar - Ernest Hemingway
    Pedro Páramo - Juan Rulfo
    Mrs. Craddock - Sommerset Maugham
    Crónica dos Pássaros de Corda - Haruki Murakami
    A Tia Júlia e o Escrevedor - Vargas Llosa

    ResponderEliminar
  18. Havia tanto para dizer, mas cá vão uns poucos:

    A quinta dos animais, Orwell
    O estrangeiro, Camus
    Nostromo, Conrad
    Submundo, Delillo
    Viagem ao fim da noite, Céline

    ResponderEliminar
  19. Uns quantos que me deliciaram:

    Como água para chocolate - Laura Esquível
    Jane Eyre - Charlotte Bronte
    A praia do destino - Anita Shreve
    Nenhum olhar - José Luís Peixoto
    Kafka à beira-mar - Haruki Murakami

    ResponderEliminar
  20. Sinais de Fogo, Jorge de Sena
    O Senhor dos Anéis, Tolkien
    Memorial do Convento, Jose Saramago
    1984, George Orwell

    ResponderEliminar
  21. O Lobo das Estepes - Hermann Hesse

    ResponderEliminar
  22. Poderia enunciar uns quantos, mas fico-me por dois:
    O Alquimista, de Paulo Coelho
    Vsi aonde te leva o coração, de Susanna Tamaro

    ResponderEliminar
  23. A Sombra do Vento - Carlos Ruiz Zafon
    O Jogo do Anjo - Carlos Ruiz Zafon
    Viver Para Contar - Gabriel García Marquez
    Capitães de Areia - Jorge Amado
    Meu Pé de Laranja Lima - José Mauro de Vasconcelos
    Fazes-me Falta - Inês Pedrosa
    Nenhum Olhar - José Luís Peixoto
    Cemitério de Pianos - José Luís Peixoto
    Aparição - Vergílio Ferreira

    Vários da Jodi Picoult. Os 7 volumes do Harry Potter. E os da saga Twilight.
    E os livros d'Uma Aventura e os de Alice Vieira, quando eu era criança. :)

    ResponderEliminar